sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Eloise

Colocaram um queijinho no fim do labirinto...
E pelo faro eu tenho que chegar até lá!

Seguindo o cheiro do queijo, e andando pelo labirinto de vários lugares-sem saída.
To aí, com minha orelha do Mickey, na frente duma parede de madeira e pensando: "QUE PORRA EU FAÇO AGORA?"

Mas camaradas, eu sou mais esperto que um rato.

Sabe-se lá de onde eu tiro uma bazuca, tomo certa distância e BOOOOW! Tchau parede...

E qual não é minha surpresa quando, quando a poeira baixa e lá está ela novamente... A PORRA DA PAREDE TÁ DE PÉ!

Ok, bazuca não adianta, bomba não adianta, escada não adianta, bigorna não adianta, massarico não adianta. A parede ainda está lá!

O esquema é voltar nesse labirinto, dar uma cheirada no ar até achar o cheiro do queijinho, e novamente encontrar um novo caminho.



Aquele Abraço...

3 comentários:

Sunflower disse...

pelo menos aqui "o cheiro do queijo" significa exatamente aquele lugar que você nunca quer estar.

Arlequim disse...

é

O blog da Lisa disse...

é que nem todo destino proposto é o que gostaríamos de chegar!

E às vezes não adianta tentar encurtar o caminho, vamos ter que seguir, se não quiser morrer!

Beijos